construindo o presente


FSP on-line, 16/06/2015

Acertou novamente o Vladimir Safatle, "O paradigma da representação", Opinião, nesta Folha de hoje. "Ma non troppo!". Concordo com a pertinência da pergunta "Onde todos nós estávamos?", mas creio que o mundo da direita/esquerda, como nos foi dado até agora, acabou. Na fluidez da contemporaneidade, acho que a pergunta deveria ser dirigida a todos os que acreditam, conforme autor que não sei nomear, que o bom governo é aquele que consegue construir instituições capazes de corrigir os erros que o próprio governo articulou e/ou executou. Creio também que a morte da direita/esquerda tradicionais se deve ao fato de estarem, ambas, e seus seguidores mais ferrenhos, perdidas numa cortina de fumaça de detalhes, alguns maiores e outros menores, que esconde os problemas reais da sociedade.



Escrito por Gustavo A J Amarante às 18h08
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Homem
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  Josias de Souza
  Fernando Rodrigues
  #euvotodistrital
  Sandra Giacopini
  Filosofia
Votação
  Dê uma nota para meu blog